Apresentação

O Programa de Pós-graduação em Ciência, Tecnologia e Inovação em Agropecuária (PPGCTIA) é o primeiro programa em nível de Doutorado e de caráter binacional aprovado pela CAPES. O PPGCTIA foi criado em associação entre a UFRRJ e a Universidade Nacional de Rio Cuarto (UNRC), portanto é uma parceria envolvendo o Brasil e a Argentina, voltada para o desenvolvimento de ciência e tecnologia em agropecuária de interesse para o Mercosul.

A administração do Programa é feita através de 2 Colegiados (Juntas), um em cada país, sendo realizadas reuniões a cada ano em países alternados envolvendo os dois Colegiados. A oferta de disciplinas no PPGCTIA é feita em forma modular, de acordo com grade de disciplinas a ser definida em função da demanda de alunos para cada Área de Concentração. As disciplinas oferecidas por ambas as Universidades serão automaticamente reconhecidas pelas instâncias acadêmicas, de acordo com o Termo de Convênio Específico de Cooperação Acadêmico-científico-tecnológico entre a UNRC e a UFRRJ.

O programa visa qualificar profissionais em nível de Doutorado para atuar em ensino, pesquisa e gestão, em atividades relacionadas aos temas de gestão dos recursos ambientais solo e água; agrobiologia; isolamento, síntese e uso de novas substâncias com potencial no tratamento das principais doenças que afetam os animais de produção e de companhia, bem como, os vegetais de interesse econômico; saúde animal e vegetal; e políticas públicas relacionadas à Agropecuária no âmbito dos países que integram o Mercosul.

O PPGCTIA está organizado em 4 áreas de concentração (Agrobiologia, Patobiologia Animal, Políticas Públicas Comparadas e Recursos Naturais e Proteção Ambiental) e diversas linhas de pesquisa. Nessas linhas se distribuem projetos de pesquisa de responsabilidade dos docentes permanentes do PPGCTIA (UFRRJ), dentre os quais alguns são pesquisadores da Embrapa Agrobiologia, associados ao Programa como Docentes Permanentes Especiais através de convênio entre a UFRRJ e a Agrobiologia. No quadro de professores da UNRC (Argentina), o PPGCTIA conta hoje com Docentes Permanentes e vários colaboradores.

O quadro de Docentes Permanentes do PPGCTIA – UFRRJ conta com professores experientes e atuantes em pós-graduação, sendo que alguns docentes possuem pós-doutorado e outros têm livre-docência. Alguns professores têm bolsa de produtividade em pesquisa do CNPq e outros possuem Bolsa de Pesquisa “Cientista do Nosso Estado”, concedida pela FAPERJ a cientistas de maior destaque científico e acadêmico do Estado do Rio de Janeiro.

O ingresso no PPGCTIA é feito através de Edital público, anualmente. A seleção inicial é feita pelo professor orientador e a análise subseqüente, do currículo e projeto de pesquisa, por Comissão de Seleção. O parecer, de caráter classificatório e eliminatório quanto ao mérito do pleito, é então aprovado pelo Colegiado do PPGCTIA.

Para obtenção do título de Doutor, os alunos do PPGCTIA devem obter carga horária total mínima de 600 horas, assim constituídos: 60 horas em disciplina obrigatória comum a todas as áreas; 30 horas de seminário; 510 horas em disciplinas específicas das áreas de concentração. Ainda, ser aprovação em exame de qualificação, elaborar e defender tese original e preparar artigo científico decorrente da pesquisa.

As normas regimentais do Programa (Regimento Interno PPGCTIA) atendem especificidades dos regulamentos de programas de pós-graduação da UFRRJ (Brasil) e da UNRC (Argentina).
A Coordenação.

 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras